Notícias Fecomercio

22 de junho de 2017

Sobe proporção de empresários do varejo que consideram seus estoques adequados


Segundo pesquisa da FecomercioSP, porcentual aumentou para 54,2% neste mês - altas de 1,5 ponto porcentual na comparação com maio e de 7,3 pontos porcentuais em relação a junho de 2016

Em junho, o Índice de Estoques (IE) atingiu 108,5 pontos, crescimento de 2,7% na comparação com maio - segunda alta mensal consecutiva - e 15,7% superior ao registrado em junho de 2016. Apesar da alta, os resultados de junho não trazem grandes novidades positivas, já que a melhora do indicador foi motivada pela queda de 1,6 ponto porcentual (p.p.) na parcela de empresários que afirmaram estar com estoques abaixo do ideal, atingindo 13,5%, enquanto os que consideram seus estoques acima do adequado permaneceu estável, em 32,1%.

Os dados são do Índice de Estoques (IE) da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), que capta a percepção dos comerciantes sobre o volume de mercadorias estocadas nas lojas, e varia de zero (inadequação total) a 200 pontos (adequação total). A marca dos cem pontos é o limite entre inadequação e adequação. Saiba mais aqui.

Voltar para Notícias